AMÉRICA/VENEZUELA - Em aumento o índice de desnutrição de crianças e idosos por causa da crise

Terça, 10 Janeiro 2017 desnutrição  

Internet

Caracas (Agência Fides) – Um estudo da Universidade Central da Venezuela estima que em 2017 o índice de desnutrição de crianças em idade escolar aumentará 3% em relação a 2016, e chegará entre 350 e 380 mil menores. Estima-se que a carência de gêneros alimentícios piore por causa da semeadura insuficiente de 2016 e da falta de recursos para importar alimentos.
Segundo dados coletados pela Fides, existem na Venezuela 3.200.000 crianças menores de 5 anos e destas, 12% sofrerá de desnutrição aguda grave em 2017. O problema atingirá também as gestantes, as pessoas idosas, os doentes psiquiátricos e os detentos. Haverá certamente uma pior propensão a doenças, porque o sistema de imunidade não terá defesas. A grave crise econômica que a Venezuela está atravessando registra níveis de inflação incontroláveis, uma forte queda no PIL e a carência de gêneros alimentícios e produtos de primeira necessidade. O país produz apenas 30% dos gêneros alimentares de que precisa e para importar o restante, serão precisos 900 milhões de dólares por mês, em 2017.
(AP) (10/1/2017 Agência Fides)


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network