ÁFRICA/MADAGASCAR - Celebrado também em Madagáscar o centenário da primeira aparição em Fátima

Quarta, 17 Maio 2017

Camilliani

Fianarantsoa (Agência Fides) – “Por ocasião do centenário da primeira aparição de Nossa Senhora de Fátima, foram organizadas duas peregrinações a Fianarantsoa”. É o que revela à Fides o padre Albert Rainiherinoro, MI. “A primeira peregrinação - continua pe. Albert – se realizou em Ambohidempona, na Virgem Estrela da Esperança, a imagem emblemática da cidade de Fianarantsoa. A outra, na área da periferia sul da cidade, se realizou em Ilena. Durante esta celebração, foi abençoada a estatua de cemento que substituiu a precedente, danificada pelo granizo, pois era de gesso. O dia 13 de maio também foi uma data significativa para a historia de Madagáscar porque 45 anos atrás, houve a revolução estudantil que colocou fim na primeira República. Quase todos os anos, quando se aproxima esta ocasião, a situação politica se torna tensa. Eis porque durante ambas as celebrações, foram feitas orações pelo país, que está vivendo um momento muito crítico: falta de segurança, pobreza extrema, corrupção e ausência do Estado de direito.
Padre Albert relata também um episódio ocorrido na noite de 28 de fevereiro. Foi roubado um dos painéis solares da pompa (veja Fides 29/9/2015) o que privou de água toda a aldeia de Ilena (habitantes, cantina, posto de saúde e a casa das freiras).
(AR/AP) (17/5/2017 Agência Fides)


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network