ÁFRICA/SUDÃO DO SUL - “Deixem-me encontrar com os rebeldes para colocar fim nas violências”, pede o Bispo de Yei

Quarta, 11 Janeiro 2017 bispos   violência   grupos armados  

Juba (Agência Fides) - “Preciso de autorização para evitar inúteis suspeitas nas blitz que devo superar”, disse Dom Erkolano Lodu Tombe, Bispo de Yei, no Sudão do Sul, à Radio Easter, explicando que solicitou ao governo para ir às áreas dos rebeldes e tentar uma mediação na guerra civil. “A Igreja não trabalha por nenhuma parte em causa; seu interesse em tentar encontrar os rebeldes é chegar ao fim dos combates”, frisou o Bispo.
A administração local já aprovou o pedido de Dom Tombe, mas o Ministro da Informação do Estado de Yei, Stephen Lado Onesimo, declarou que as autoridades estatais estão aguardando a resposta e a autorização do governo nacional de Juba. Em Yei, cidade da Equatoria, no Sudão do Sul, nos últimos meses, uma série de homicídios e massacres atribuídos a grupos armados mistos militares e civis atingiu aliados do ex-Vice Presidente Riek Machar. Os massacres foram várias vezes denunciados por Dom Tombe (veja Fides 2/12/2016). (L.M.) (Agência Fides 11/1/2017)


Compartilhar: Facebook Twitter Google Blogger Altri Social Network